Tecnologia de monitoramento aumenta a segurança e a produtividade em minas

A mineração é uma atividade essencial para o desenvolvimento do Brasil, gerando emprego, renda e divisas, porém não podemos ignorar que o trabalho é de alto risco. Quem trabalha neste setor corre sofre com ameaça constante de deslizamentos, explosões, gases e poeira, por isso, as mineradoras precisam adotar medidas que garantam segurança, eficiência e qualidade das operações para seus funcionários.

Uma dessas ações passa pelo monitoramento remoto da ztrax, que permite acompanhar em tempo real a localização, a movimentação e o status de colaboradores, veículos e equipamentos nestas zonas de risco.

Uma demanda antiga de todo gestor na mineração em usar tecnologia para otimizar rotinas, distribuir melhor os recursos, evitar desperdícios, atrasos e tomar decisões mais rápidas e assertivas com vários times ao mesmo tempo, se tornou realidade recentemente com o advento da tecnologia:

“O monitoramento remoto é uma solução que traz mais desempenho e resultados para as empresas de mineração, ao permitir controlar e coordenar as equipes em campo de forma mais eficaz e segura”, afirma Marcelo Lonzetti, Diretor da ztrax, empresa de tecnologia de monitoramento de pessoas e ativos.

Integridade de colaboradores preservada
Além de aumentar a produtividade, o monitoramento remoto também contribui para a integridade e a segurança dos trabalhadores nas minas. Para prevenir esses acidentes, as mineradoras já fazem um trabalho intenso sobre a topografia da região que está sendo explorada, com mapeamento das áreas e constantes revisões das estruturas, mas acidentes podem acontecer independente destas medidas de segurança:

Caso haja alguma situação de risco, o monitoramento remoto permite alertar as equipes, orientar as rotas de fuga e mobilizar os recursos necessários para o resgates: “O monitoramento remoto é como ter um olho em cada equipe, em cada canto da mina. É uma forma de proteger os trabalhadores, de evitar acidentes, salvar vidas e dar uma resposta rápida em casos críticos” conclui Lonzetti.

Compartilhe!

Quer receber conteúdo como este? Inscreva-se!

Veja mais

Escola Segura RS

Em maio de 2021 um crime chocou a pacata cidade de Saudades, interior de Santa Catarina. Três crianças e uma professora morreram a golpes de faca dentro de uma escola de educação infantil. O autor dos homicídios foi um rapaz de 18 anos, que acabou detido .

O ocorrido levanta a questão: o que professores e demais funcionários de uma escola podem fazer diante de tal cenário? A resposta mais óbvia é acionar equipes de segurança quanto antes.

Germano Medeiros, diretor comercial de uma empresa de segurança da grande Porto Alegre, percebeu a necessidade de uma resposta rápida para evitar tragédias como a de Santa Catarina e implementou o sistema ztrax Personal nas escolas atendidas por sua empresa na região metropolitana de Porto Alegre, Rio Grande do Sul. O resultado foi imediato:

“Não havia um sistema efetivo para atender prontamente essas ameaças até então. Temos, em uma escola, dez professores com o botão de emergência discreto que, ao serem acionados, mandam um alerta para a central fazendo com que, no máximo em 5 minutos, uma viatura chegue ao local. Tudo online, sem que o agressor ou suspeito desconfie do alerta”.

Aluno armado acabou detido

Em uma das ocorrências, um professor desconfiou que um aluno estava armado. Quando a equipe chegou ao local e identificou o perigo real, acionou apoio de viaturas da brigada militar e da guarda municipal para fazer a condução do menor infrator e tomar as medidas cabíveis.

“O sistema de botão de pânico discreto trouxe mais segurança e agilidade na resposta das equipes de segurança. Antes, um professor tinha que se esconder no banheiro, ligar para o 190 e esperar por um tempo muito maior do que agora”, completou Germano.

Essa agilidade traz mais segurança para professores, funcionários, alunos e pais. Existe o sentimento de segurança. O equipamento já foi acionado três vezes nesta mesma escola e trouxe solução efetiva para todos os problemas alertados. Gerou ações efetivas quando preciso. Não é possível mensurar o número de crimes evitados, e nesse caso, essa é uma boa notícia.